FÓRUM Inovar na Construção
Construção civil,  aquecimento, águas sanitárias, ventilação, revestimentos, isolamento térmico, caixilharias, arquitectura, legislação, e MUITO MAIS.
Participe com a sua experiência ou o seu caso.Participe com disciplina e numa abordagem esclarecedora. Lembre-se que alguém que ajuda hoje o poderá ajudar amanhã.Se tiver alguma dificuldade no seu registo por favor contacte-nos em geral@foruminovarnaconstrucao.ptFÓRUM Inovar na Construção - Registe-se...Veja as novidades mais recentes em www.inovarnaconstrucao.pt

Design de Interiores & Decoração : Na Senda dos Revestimentos para Interiores

CMartin

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 37
    • Concordo/Discordo: +8/-0
Chegada a altura dos acabamentos, é com dedo que se deve seleccionar os materiais de revestimento: os de piso, os de paredes, os de casas de banho e os de cozinhas.

Os materiais de revestimento têm uma importância inegável e suprema em fazer do interior de uma casa aquilo que era suposto aquando projectada pela arquitectura, desde a sua nascença.
Isto porque, os revestimentos têm o poder de ou respeitar o que estava previsto no programa, dando interpretação correcta à linguagem arquitectónica, ou, o seu contrário.
E o seu contrário será, na sua ignorância ou desrespeito, revestir a arquitectura de uma forma que em nada se relaciona com a linguagem que era a sua.
Este pequeno passo, ou este que pode parecer ser apenas um pequeno passo a caminho do fim, é o passo ultra para se conseguir uma das duas coisas : Ou uma casa distinta e coordenada ou uma casa que, virou à esquerda da arquitectura, e decidiu seguir um caminho autónomo, em nada se coadunam os acabamentos com a arquitectura. Fica estranho. Não passa despercebido.
Não menospreze o seu projecto, chegada a altura dos materiais de revestimento, continue a ter o mesmo cuidado na sua selecção que teve na selecção da sua arquitectura. Sendo dependentes, e interrelacionados, acredite que dessa selecção com critério dependerá o conjunto do sucesso.
Ele há cores, nas cores, tonalidades; ele há texturas e acabamentos (rugosos, polidos, amaciados, com brilho, alto brilho, acetinados, mates e semi mates); ele há dimensões (e com as dimensões virão as juntas que ou se completam ou se contrariam). E…lá está, com as juntas, vem o preenchimento das juntas! Enfim.

Os materiais de revestimento vão se colar ao seu corpo estrutural, e serão eles que vão definir a sua arquitectura no que toca à estética. De todo, alguma vez serão indiferentes, ou independentes, ou de escolha aleatória à parte da arquitectura. Até porque a arquitectura não é independente da cor que lhe damos, e a nossa percepção e interpretação dela, é do conjunto do todo, começando pela sua forma, acabando nos revestimentos. É uma coisa “una” e uma coisa só.

Seja em remodelação, seja em construção, não menospreze o poder dos materiais de revestimento na composição da obra. Ou é uma sinfonia, ou é um fandango, seja qual o gosto o poder está na composição melódica e as notas de uma não farão sentido na pauta da outra! ;o)




« Última modificação: 11 Novembro 2020, 16:12 por CMartin »


CMartin

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 37
    • Concordo/Discordo: +8/-0
E agora até apetece perguntar : Quando escolhe os revestimentos para a sua remodelação ou para a sua construção, escolhe com base em quê ?
 :)