FÓRUM Inovar na Construção
Construção civil,  aquecimento, águas sanitárias, ventilação, revestimentos, isolamento térmico, caixilharias, arquitectura, legislação, e MUITO MAIS.
Participe com a sua experiência ou o seu caso.Participe com disciplina e numa abordagem esclarecedora. Lembre-se que alguém que ajuda hoje o poderá ajudar amanhã.Se tiver alguma dificuldade no seu registo por favor contacte-nos em geral@foruminovarnaconstrucao.ptFÓRUM Inovar na Construção - Registe-se...Veja as novidades mais recentes em www.inovarnaconstrucao.pt

Terraços e Cerâmica! Impermeabilizar e sem patologias

Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
Uma das grandes questões da construção, reside em colocar cerâmica em zonas impermeabilizadas, pois as soluções convencionais de mercado, requerem sobre a impermeabilização uma camada de distribuição de carga e com capacidade de aderência.

Ou seja, sobre a camada de impermeabilização, temos uma betonilha com o mínimo de 45mm de espessura, mas esta está sujeita a vários factores patológicos:

1- Retração : Durante 28 dias, esta betonilha vai perder água, e consequentemente volume, cerca de 0,5% do seu volume.
Automáticamente requer que a cerâmica ou a pedra natural, apenas possam ser aplicadas após estes 28 dias.

2-Tracção: A evaporação da água nunca será de uma forma uniforme, ou seja primeiro irá evaporar na zona superficial e posteriormente nas camadas inferiores, que irão humedecer a zona superficial. Estes fluxos irão provocar tracções na própria argamassa e que podem ditar o seu arqueamento. Estando a cerâmica já aplicada, existem forças antagónicas e contrárias.

3. Dilatação Térmica Linear : A alteração de temperatura faz com que a betonilha sofra movimentos distintos dos da cerâmica ou da pedra natural.
Se um porcelânico ou o granito dilatam 0,04mm/m2, a betonilha dilata 0,12mm/m2, ou seja o triplo.
E temos que pensar que estes movimentos não são simultâneos, por exemplo em Agosto com o aumento da temperatura, primeiro dilata o acabamento e o calor deste irá condicionar a dilatação térmica do suporte.

Perante estes três factores, existe uma forma muito simples de corrigir e evitar a patologia: CRIAÇÃO de JUNTAS de FRACCIONAMENTO E PERIMETRAIS.

Mas…ainda existem outros condicionantes:

4. Vapor de água: Mesmo esperando os 28 dias de cura da argamassa, esta atinge 0,5% de humidade residual, e esta terá que evaporar. A sua evaporação irá encontar a cerâmica que funciona como barreira e potencia o vapor a liquidificar (e quanto maior o tamanho da peça pior), humedecendo o suporte e retirando propriedades ao adesivo de colagem.
Agora temos que analisar este fenómeno sempre que chove….

5. Gelo/Degelo: Muitas pessoas já passaram pela terrível experiência de se esquecerem de uma garrafa de vidro no congelador! Resultado…garrafa partida e perda total do líquido! Simples o líquido congela e aumenta de volume.
O mesmo acontece sempre que com o suporte húmido ou molhado, a água que se encontra nos poros, aumenta de volume e danifica consideravelmente a betonilha, aumentando o tamanho do poro…
E depois temos a evaporação com as eflorescências.

Conclusão:
Que funções deverá ter o material a aplicar sob a cerâmica ou pedra natural:
Desacoplamento: Capacidade de absorver tensões entre os materiais.
Impermeabilização: Capacidade de proteger o suporte da água
Transmissão da Pressão do Vapor: Capacidade em difundir a pressão do vapor.
Repartição de Cargas: Capacidade de absorver cargas pontuais e repartir por toda a base
Absorção de Dilatações: Capacidade de Absorver as diferentes dilatações entre os materiais.
Resumindo: Schlüter DITRA
Orange: the original!


Florial

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 26
    • Concordo/Discordo: +0/-0
Até pode ser bom, mas tenho telas asfalticas aplicadas com 15 anos e sem qualquer problema.


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
Até pode ser bom, mas tenho telas asfalticas aplicadas com 15 anos e sem qualquer problema.

E são esses terraços normalmente revestidos a cerâmica?
Orange: the original!


Florial

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 26
    • Concordo/Discordo: +0/-0
E são esses terraços normalmente revestidos a cerâmica?

Alguns com cerâmica, outros com lajetas de betão, outros com godo...


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
Alguns com cerâmica, outros com lajetas de betão, outros com godo...

E quando é cerâmica qual o processo construtivo?
Orange: the original!


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal


Florial

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 26
    • Concordo/Discordo: +0/-0
E quando é cerâmica qual o processo construtivo?

Depois da tela, o construtor coloca rufemate, betomilha e cerâmica.


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
Depois da tela, o construtor coloca rufemate, betomilha e cerâmica.

Ou seja, além de termos uma betonilha flutuante , que expande  e retrai, temos uma betonilha que absorve a água.

Numca teve casos da betonilha partir e consequentemente a cerâmica?
Orange: the original!


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
Neste caso, demonstração de teste de estanquicidade sobre o sistema Schlüter Ditra
Foto: Aplicador oficial - Taskdone
Orange: the original!


To peira

  • User Junior
  • **
    • Mensagens: 82
    • Concordo/Discordo: +2/-0
Neste caso, demonstração de teste de estanquicidade sobre o sistema Schlüter Ditra
Foto: Aplicador oficial - Taskdone

Para que serve?


Florial

  • User Iniciado
  • *
    • Mensagens: 26
    • Concordo/Discordo: +0/-0
Ou seja, além de termos uma betonilha flutuante , que expande  e retrai, temos uma betonilha que absorve a água.

Numca teve casos da betonilha partir e consequentemente a cerâmica?

A minha arte é a impermeabilização, essa parte fica da responsabilidade do construtor.


Schlüter-Portugal

  • Inovar
  • ****
    • Mensagens: 978
    • Concordo/Discordo: +12/-0
    • Schlüter Portugal
A minha arte é a impermeabilização, essa parte fica da responsabilidade do construtor.

Ou seja as patologias da cerâmica, são algo que não lhe dizem respeito, certo?
Orange: the original!


To peira

  • User Junior
  • **
    • Mensagens: 82
    • Concordo/Discordo: +2/-0
« Última modificação: 07 Outubro 2019, 21:49 por Schlüter-Portugal »